Pós-Graduação em Tecnologia Assistiva e Comunicação Alternativa

00
0 Inscritos

Curso De Status

0%
O curso de Pós Graduação em “Tecnologia Assistiva e Comunicação Alternativa” tem como objetivo principal formar profissionais capacitado a atender as necessidades especiais dos alunos com paralisia cerebral, deficiência mental, deficiência auditiva, crianças autistas ou com deficiências múltiplas que possuem dificuldades de se comunicar com outras pessoas. O curso oferece também um panorama das diversas categorias da Tecnologia Assistiva, a fim de oferecer um arsenal de recursos e serviços que contribuem para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e conseqüentemente promover vida independente e inclusão.

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    CADASTRE-SE PARA RECEBER UMA OFERTA ESPECIAL!⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀





    Grade do curso

     

    • Tecnologia Assistiva
    • Fundamentos Teóricos da Comunicação Alternativa
    • Avaliação e Recursos Tecnológicos da Comunicação Alternativa
    • Abordagens Terapêuticas em Comunicação Alternativa
    • Formação, Pesquisa e Arte em Comunicação Alternativa
    • Tecnologias Educacionais
    • Metodologia do Trabalho Científico

    O Que Vou Aprender?

    • Especializar profissionais da Educação e de outras áreas diversas, tendo por base os princípios da inclusão proporcionando-lhes formação continuada e aprofundamento dos conhecimentos pertinentes a temática.

    Sobre o professor

    0 (0 classificações)

    302 Cursos

    0 alunos

    R$799,00

    Certificado

    • Certificados emitidos por IES credenciada pelo MEC.
    Duração: 420h
    Palestras: 0
    Alunos: Max. 0
    Sistema: Portal AVA
    Idioma: Inglês
    Certificado: Sim

    Metodologia

    • A Intervale possui um portal de ensino a distância especializado e interativo, composto de apostilas, vídeos e avaliações online.

    Público-alvo

    • Educadores, Gestores Escolares, Psicólogos, Psicopedagogos, Psicomotricistas, Arteterapeutas, Assistentes Sociais, Fisioterapeutas e demais profissionais envolvidos com as práticas inclusivas.